Preços de Bens Moderados em 2010

Os preços da maior parte de bens, produtos e serviços não vão aumentar, para já, pois o Orçamento de Estado para 2010 só será apresentado em meados mês para entrar em vigor em Março.
Portanto, os tradicionais aumentos só começarão a ser conhecidos daqui a alguns meses.
Comecemos então por aqueles que vão mesmo aumentar em Janeiro: a electricidade.
Na primeira factura do ano, os portugueses que vivem no Continente vão notar um aumento de 2,9%, que representa um encargo adicional de quase um euro numa factura médiade 40 euros. Já nos arquipélagos, o aumento será menor: 2,5% na Madeira e 2,1% nos Açores.

Gás e água mantêm os seus preços, pelo menos até Julho, mês em que serão conhecidas as novas tarifas. O mesmo se passará com os transportes públicos (urbanos e suburbanos). Quanto aos táxis, mantém-se a tarifa da bandeira dos habituais 2 euros.

Os CTT - Correios de Portugal também já anunciaram que não têm prevista qualquer actualização para os preços do serviço postal universal em 2010. E, embora,estas notícias sejam boas, a melhor vem mesmo por parte das comunicações, com a Portugal Telecom (PT) a anunciar que vai baixar os preços das chamadas fixas em cerca de 10,5% e oferecer chamadas ilimitadas dentro da sua rede aos fins-de-semana. Estas alterações já tomaram efeito desde o dia 1 de Janeiro.

Quanto às redes móveis (Optimus, TMN e Vodafone), fica tudo na mesma,em questão de tarifários. A vida das famílias portuguesas vai ainda ser afectada por outras mudanças.
O aumento do salário mínimo nacional para 475 euros (mais 25 euros), apesar dos largos protestos das empresas, é uma boa notícia para os mais carenciados, assim como a subida das pensões e o fim das taxas moderadoras para os internamentos e cirurgias.

Este Ano de 2010 tem tudo para ser melhor que 2009
Não são permitidos novos comentários.