De onde vem a crise actual?

Em Portugal vive-se um clima de instabilidade económica e finaceira mas a que se deve esta crise de onde vem pudemos estar descansados quais as causas?

A crise actual deveu-se a:

1 -VALORIZAÇÃO IMOBILIÁRIA A partir de 2001, com juros baixos e fácil acesso ao crédito os imóveis nos EUA sofreram uma forte valorização. Muitos clientes renegociaram o valor da dívida e ficaram com alguma liquidez para consumir.

2 -SUBPRIME

Os bancos facilitaram o crédito a clientes com baixos rendimentos e descobriram um novo nicho de mercado, o segmento subprime, caracterizado por um grande risco, mas com uma alta taxa de rentabilidade. A dada altura, os bancos começaram a trocar entre si este tipo de investimento arriscado.

3 -QUEDA DOS PREÇOS

Para combater a inflação, as taxas de juro começaram a subir, enquanto que os preços dos imóveis caíram. Quando as prestações das casas subiram, começou a verificar-se o incumprimento das famílias e os títulos das hipotecas perderam valor.

4 -PREJUIZOS

A banca começou a ter de suportar os prejuízos do incumprimento mais a perda de valor dos títulos. O Governo norte-americano foi obrigado a intervir, para evitar falências.

5 -CRISE FINANCEIRA

Instalou-se uma grave crise de confiança. Os bancos não concedem créditos e tentam reter o seu capital; como sem liquidez não se gera riqueza, a situação acaba por afectar investidores em todo o Mundo.

Apesar dos governantes portugueses dizerem que a crise afectará o País em pequena escala, é importante estarmos preparados para o que aí vem e saber quais serão os sectores :mais afectados pelo panorama internacional.

Assim, os portugueses podem esperar:

Mais desemprego e salários mais baixos.O povo tende a ser sempre o mais prejudicado. Se achava, até agora, que o seu ordenado era baixo, prepare-se para apertar ainda mais o

cinto. Com medo do desemprego que tem assolado o País, os indivíduos aceitam, na sua maioria, uma redução nos seus salários. Ou seja, esta situação depende dos trabalhadores.

É importante manter uma posição! Só assim poderá evitar o desemprego e o decréscimo do seu nível de vida. Prejuízo para quem joga na Bolsa. É nesta instituição que a crise, que assola o Mundo inteiro, mais se reflecte visto que a mesma perde valor, quando se verifica uma falência.Os investidores a curto e médio prazo são os que vão verificar mais perdas, visto que aqueles que investem a longo prazo terão tempo para recuperar as perdas que acontecerem.

4 comentários

Clique aqui para comentários
Maria do Céu
admin
27 de outubro de 2008 às 14:08 ×

A crise também tem a ver com o consumo desmedido e com "o querer parecer mas não ser". Enfim, há muito agente que só liga a futilidades e não se preocupa com o resto.

Responder
avatar
Maria do Céu
admin
27 de outubro de 2008 às 14:08 ×

A crise também tem a ver com o consumo desmedido e com "o querer parecer mas não ser". Enfim, há muito agente que só liga a futilidades e não se preocupa com o resto.

Responder
avatar
Helder Lourenço
admin
27 de outubro de 2008 às 23:27 ×

Ó pessoal temos que apertar o cinto mais uns furitos...

Responder
avatar
HUGO
admin
28 de outubro de 2008 às 16:07 ×

POIS O MUNDO ESTA DE TANGA ... ISTO NAO ESTA NADA BOM... MAS EM FIM... VAMOS VER AONDE ISTO VAI PARAR.......

Responder
avatar