Reinvidicações contra o uranio e as minas continuam

Uma jornada de luta na vila alentejana de Nisa no dia 18 de Outubro contra a exploração de urânio em Portugal e pela resolução dos problemas dos ex-trabalhadores da Empresa Nacional de Urânio (ENU) foi aprovada hoje na Urgeiriça em Canas de Senhorim (distrito de Viseu).

Os antigos trabalhadores da Urgeiriça darão testemunho da sua longa experiência de trabalho, problemas actuais e dificuldades de sobrevivência. Serão convidados cientistas, juristas e reputados técnicos de outras áreas ligados a esta problemática para avaliar os impactos causados no tecido social, ambiental pela exploração daquele minério nas quase 60 minas que existiram no país – hoje estão todas fechadas e na sua maioria em mau estado de conservação e a causar problemas de saude a população.
A reunião que teve lugar na Urgeiriça- canas de senhorim ainda aprovou a realização de uma acção de rua no dia 18 do próximo mês – em princípio entre Nisa e o local das jazidas de uranio,
Esta é uma iniciativa a salientar pois as minas continuam a provocar doenças do foro oncologico ás pessoas que vivem na Urgeiriça e arredores.........

Fonte:Jornal Publico